Artigos

3.7: Arredondamento


3.7: Arredondamento

Calculadora de arredondamento

O arredondamento pode ser referido como a substituição de um número por outro número equivalente a ele. O arredondamento pode ser usado para encurtar um determinado número sem privá-lo de seu valor original. Por exemplo, temos que arredondar 56,89. Podemos arredondá-lo substituindo-o por 57, que é o valor mais próximo de 56.

A calculadora de arredondamento é uma forma digital de arredondar para os dez ou mil mais próximos, executando alguns cliques. Ao usar a calculadora de arredondamento, você economizará tempo ao fazer cálculos manuais.


Funções integradas¶

O interpretador Python possui várias funções e tipos integrados que estão sempre disponíveis. Eles estão listados aqui em ordem alfabética.

Retorna o valor absoluto de um número. O argumento pode ser um inteiro, um número de ponto flutuante ou um objeto que implementa __abs __ (). Se o argumento for um número complexo, sua magnitude será retornada.

Retorne True se todos os elementos do iterável são verdadeiras (ou se o iterável estiver vazio). Equivalente a:

Retorne True se qualquer elemento do iterável é verdade. Se o iterável estiver vazio, retorna False. Equivalente a:

Como repr (), retorna uma string contendo uma representação imprimível de um objeto, mas escape os caracteres não-ASCII na string retornada por repr () usando os escapes x, u ou U. Isso gera uma string semelhante à retornada por repr () no Python 2.

Converta um número inteiro em uma string binária com o prefixo “0b”. O resultado é uma expressão Python válida. Se x não é um objeto Python int, ele tem que definir um método __index __ () que retorna um inteiro. Alguns exemplos:

Se o prefixo “0b” for desejado ou não, você pode usar uma das seguintes maneiras.

Consulte também format () para obter mais informações.

Retorne um valor booleano, ou seja, verdadeiro ou falso. x é convertido usando o procedimento de teste de verdade padrão. Se x for falso ou omitido, retorna False, caso contrário, retorna True. A classe bool é uma subclasse de int (consulte Tipos numéricos - int, float, complex). Não pode ser mais subclassificado. Suas únicas instâncias são False e True (consulte Valores booleanos).

Alterado na versão 3.7: x agora é um parâmetro apenas posicional.

Esta função leva você ao depurador no site da chamada. Especificamente, ele chama sys.breakpointhook (), passando args e kws diretamente. Por padrão, sys.breakpointhook () chama pdb.set_trace () sem esperar argumentos. Neste caso, é puramente uma função de conveniência, então você não precisa importar explicitamente o pdb ou digitar a quantidade de código para entrar no depurador. No entanto, sys.breakpointhook () pode ser definido para alguma outra função e breakpoint () a chamará automaticamente, permitindo que você entre no depurador de sua escolha.

Gera um evento de auditoria builtins.breakpoint com argumento breakpointhook.

Retorne uma nova matriz de bytes. A classe bytearray é uma sequência mutável de inteiros no intervalo 0 & lt = x & lt 256. Ela tem a maioria dos métodos usuais de sequências mutáveis, descritos em Tipos de sequência mutáveis, bem como a maioria dos métodos que o tipo de bytes possui, consulte Bytes e Operações Bytearray.

O opcional fonte O parâmetro pode ser usado para inicializar a matriz de algumas maneiras diferentes:

Se for um corda, você também deve dar o codificação (e opcionalmente, erros) parâmetros bytearray () então converte a string em bytes usando str.encode ().

Se for um inteiro, a matriz terá esse tamanho e será inicializada com bytes nulos.

Se for um objeto em conformidade com a interface do buffer, um buffer somente leitura do objeto será usado para inicializar a matriz de bytes.

Se for um iterável, deve ser um iterável de inteiros no intervalo 0 & lt = x & lt 256, que são usados ​​como o conteúdo inicial da matriz.

Sem um argumento, uma matriz de tamanho 0 é criada.

Retorne um novo objeto “bytes”, que é uma sequência imutável de inteiros no intervalo 0 & lt = x & lt 256. bytes é uma versão imutável de bytearray - tem os mesmos métodos não mutantes e o mesmo comportamento de indexação e divisão.

Da mesma forma, os argumentos do construtor são interpretados como bytearray ().

Objetos de bytes também podem ser criados com literais, consulte Literais de string e bytes.

Retorne True se o objeto o argumento parece chamável, caso contrário False. Se retornar True, ainda é possível que uma chamada falhe, mas se for False, chamando objeto nunca terá sucesso. Observe que as classes podem ser chamadas (chamar uma classe retorna uma nova instância), as instâncias podem ser chamadas se sua classe tiver um método __call __ ().

Novo na versão 3.2: esta função foi primeiro removida no Python 3.0 e depois trazida de volta no Python 3.2.

Retorna a string que representa um caractere cujo ponto de código Unicode é o inteiro eu. Por exemplo, chr (97) retorna a string 'a', enquanto chr (8364) retorna a string '€'. Este é o inverso de ord ().

O intervalo válido para o argumento é de 0 a 1.114.111 (0x10FFFF na base 16). ValueError será gerado se eu está fora dessa faixa.

Transforme um método em um método de classe.

Um método de classe recebe a classe como primeiro argumento implícito, assim como um método de instância recebe a instância. Para declarar um método de classe, use este idioma:

A forma do método & # 64class é um decorador de função - consulte as definições de função para obter detalhes.

Um método de classe pode ser chamado na classe (como C.f ()) ou em uma instância (como C (). F ()). A instância é ignorada, exceto por sua classe. Se um método de classe é chamado para uma classe derivada, o objeto da classe derivada é passado como o primeiro argumento implícito.

Os métodos de classe são diferentes dos métodos estáticos C ++ ou Java. Se você quiser, veja staticmethod () nesta seção. Para obter mais informações sobre métodos de classe, consulte A hierarquia de tipo padrão.

Alterado na versão 3.9: Os métodos de classe agora podem envolver outros descritores, como property ().

Compile o fonte em um código ou objeto AST. Objetos de código podem ser executados por exec () ou eval (). fonte pode ser uma string normal, uma string de bytes ou um objeto AST. Consulte a documentação do módulo ast para obter informações sobre como trabalhar com objetos AST.

O nome do arquivo O argumento deve fornecer ao arquivo do qual o código foi lido passar algum valor reconhecível se ele não foi lido de um arquivo ('& ltstring & gt' é comumente usado).

O modo argumento especifica que tipo de código deve ser compilado, ele pode ser 'exec' se fonte consiste em uma sequência de declarações, 'eval' se consistir em uma única expressão, ou 'único' se consistir em uma única declaração interativa (no último caso, declarações de expressão que avaliam para algo diferente de Nenhum serão impressas).

Os argumentos opcionais bandeiras e dont_inherit controlar quais opções do compilador devem ser ativadas e quais recursos futuros devem ser permitidos. Se nenhum estiver presente (ou ambos forem zero), o código é compilado com os mesmos sinalizadores que afetam o código que está chamando compile (). Se o bandeiras argumento é dado e dont_inherit não é (ou é zero), então as opções do compilador e as instruções futuras especificadas pelo bandeiras argumento são usados ​​além daqueles que seriam usados ​​de qualquer maneira. Se dont_inherit é um número inteiro diferente de zero, então o bandeiras o argumento é - os sinalizadores (recursos futuros e opções do compilador) no código circundante são ignorados.

As opções do compilador e as instruções futuras são especificadas por bits que podem ser combinados com OR bit a bit para especificar várias opções. O campo de bits necessário para especificar um determinado recurso futuro pode ser encontrado como o atributo compiler_flag na instância _Feature no módulo __future__. Os sinalizadores do compilador podem ser encontrados no módulo ast, com o prefixo PyCF_.

O argumento otimizar especifica o nível de otimização do compilador, o valor padrão de -1 seleciona o nível de otimização do interpretador conforme fornecido pelas opções -O. Os níveis explícitos são 0 (sem otimização __debug__ é verdadeiro), 1 (afirmações são removidas, __debug__ é falso) ou 2 (docstrings também são removidos).

Esta função gera SyntaxError se a fonte compilada for inválida e ValueError se a fonte contiver bytes nulos.

Se você quiser analisar o código Python em sua representação AST, consulte ast.parse ().

Gera uma compilação de evento de auditoria com os argumentos source e filename. Este evento também pode ser gerado por compilação implícita.

Ao compilar uma string com código de várias linhas no modo 'único' ou 'eval', a entrada deve ser encerrada por pelo menos um caractere de nova linha. Isso facilita a detecção de instruções incompletas e completas no módulo de código.

É possível travar o interpretador Python com uma string suficientemente grande / complexa ao compilar para um objeto AST devido às limitações de profundidade da pilha no compilador AST do Python.

Alterado na versão 3.2: Permitido o uso de novas linhas do Windows e Mac. Além disso, a entrada no modo 'exec' não precisa mais terminar em uma nova linha. Adicionou o otimizar parâmetro.

Alterado na versão 3.5: anteriormente, TypeError era gerado quando bytes nulos eram encontrados em fonte.

Novo na versão 3.8: ast.PyCF_ALLOW_TOP_LEVEL_AWAIT agora pode ser passado em sinalizadores para ativar o suporte para await de nível superior, async for e async com.

Devolve um número complexo com o valor real + imag* 1j ou converta uma string ou número em um número complexo. Se o primeiro parâmetro for uma string, ele será interpretado como um número complexo e a função deverá ser chamada sem um segundo parâmetro. O segundo parâmetro nunca pode ser uma string. Cada argumento pode ser qualquer tipo numérico (incluindo complexo). Se imag é omitido, o padrão é zero e o construtor serve como uma conversão numérica como int e float. Se ambos os argumentos forem omitidos, retorna 0j.

Para um objeto Python geral x, complex (x) delega para x .__ complex __ (). Se __complex __ () não for definido, ele retorna para __float __ (). Se __float __ () não for definido, ele retorna para __index __ ().

Ao converter de uma string, a string não deve conter espaços em branco ao redor do operador central + ou -. Por exemplo, complex ('1 + 2j') é bom, mas complexo ('1 + 2j') aumenta ValueError.

Alterado na versão 3.6: Agrupar dígitos com sublinhados como em literais de código é permitido.

Alterado na versão 3.8: Volta para __index __ () se __complex __ () e __float __ () não estão definidos.

Este é um parente de setattr (). Os argumentos são um objeto e uma string. A string deve ser o nome de um dos atributos do objeto. A função exclui o atributo nomeado, desde que o objeto permita. Por exemplo, delattr (x, 'foobar') é equivalente a del x.foobar.

Crie um novo dicionário. O objeto dict é a classe de dicionário. Consulte dict e Tipos de mapeamento - dict para obter a documentação sobre esta classe.

Para outros contêineres, consulte as classes integradas de lista, conjunto e tupla, bem como o módulo de coleções.

Sem argumentos, retorna a lista de nomes no escopo local atual. Com um argumento, tente retornar uma lista de atributos válidos para esse objeto.

Se o objeto possuir um método denominado __dir __ (), este método será chamado e deverá retornar a lista de atributos. Isso permite que os objetos que implementam uma função personalizada __getattr __ () ou __getattribute __ () personalizem a maneira como dir () relata seus atributos.

Se o objeto não fornece __dir __ (), a função tenta o seu melhor para coletar informações do atributo __dict__ do objeto, se definido, e de seu objeto de tipo. A lista resultante não é necessariamente completa e pode ser imprecisa quando o objeto tem um __getattr __ () personalizado.

O mecanismo dir () padrão se comporta de maneira diferente com diferentes tipos de objetos, pois tenta produzir as informações mais relevantes, em vez de completas:

Se o objeto for um objeto de módulo, a lista contém os nomes dos atributos do módulo.

Se o objeto for um objeto de tipo ou classe, a lista conterá os nomes de seus atributos e, recursivamente, dos atributos de suas bases.

Caso contrário, a lista contém os nomes dos atributos do objeto, os nomes dos atributos de sua classe e recursivamente dos atributos das classes base de sua classe.

A lista resultante é classificada em ordem alfabética. Por exemplo:

Como dir () é fornecido principalmente como uma conveniência para uso em um prompt interativo, ele tenta fornecer um conjunto interessante de nomes mais do que um conjunto de nomes definido de forma rigorosa ou consistente, e seu comportamento detalhado pode mudar entre as versões. Por exemplo, os atributos da metaclasse não estão na lista de resultados quando o argumento é uma classe.

Pegue dois números (não complexos) como argumentos e retorne um par de números consistindo em seu quociente e resto ao usar a divisão inteira. Com tipos de operandos mistos, as regras para operadores aritméticos binários se aplicam. Para inteiros, o resultado é o mesmo que (a // b, a% b). Para números de ponto flutuante, o resultado é (q, a% b), onde q geralmente é math.floor (a / b), mas pode ser 1 a menos que isso. Em qualquer caso, q * b + a% b está muito perto de uma, se a% b for diferente de zero, ele tem o mesmo sinal que be 0 & lt = abs (a% b) & lt abs (b).

Retorne um objeto enumerado. iterável deve ser uma sequência, um iterador ou algum outro objeto que suporte iteração. O método __next __ () do iterador retornado por enumerate () retorna uma tupla contendo uma contagem (de começar cujo padrão é 0) e os valores obtidos na iteração ao longo iterável.

Os argumentos são uma string e globais e locais opcionais. Se fornecido, globais deve ser um dicionário. Se fornecido, habitantes locais pode ser qualquer objeto de mapeamento.

O expressão argumento é analisado e avaliado como uma expressão Python (tecnicamente falando, uma lista de condições) usando o globais e habitantes locais dicionários como namespace global e local. Se o globais o dicionário está presente e não contém um valor para a chave __builtins__, uma referência ao dicionário do módulo integrado integrado é inserida sob essa chave antes expressão é analisado. Isso significa que expressão normalmente tem acesso total ao módulo interno padrão e ambientes restritos são propagados. Se o habitantes locais dicionário é omitido, o padrão é o globais dicionário. Se ambos os dicionários forem omitidos, a expressão é executada com o globais e habitantes locais no ambiente onde eval () é chamado. Observação, eval () não tem acesso aos escopos aninhados (não locais) no ambiente de inclusão.

O valor de retorno é o resultado da expressão avaliada. Erros de sintaxe são relatados como exceções. Exemplo:

Esta função também pode ser usada para executar objetos de código arbitrários (como aqueles criados por compile ()). Neste caso, passe um objeto de código em vez de uma string. Se o objeto de código foi compilado com 'exec' como o modo argumento, o valor de retorno de eval () será Nenhum.

Dicas: a execução dinâmica de instruções é suportada pela função exec (). As funções globals () e locals () retornam os dicionários global e local atuais, respectivamente, que podem ser úteis para serem usados ​​por eval () ou exec ().

Veja ast.literal_eval () para uma função que pode avaliar com segurança strings com expressões contendo apenas literais.

Gera um evento de auditoria exec com o objeto de código como argumento. Eventos de compilação de código também podem ser gerados.

Esta função oferece suporte à execução dinâmica de código Python. objeto deve ser uma string ou um objeto de código. Se for uma string, a string é analisada como um conjunto de instruções Python que são então executadas (a menos que ocorra um erro de sintaxe). 1 Se for um objeto de código, ele é simplesmente executado. Em todos os casos, espera-se que o código executado seja válido como entrada de arquivo (consulte a seção "Entrada de arquivo" no Manual de Referência). Esteja ciente de que as instruções não local, rendimento e retorno não podem ser usadas fora das definições de função, mesmo dentro do contexto do código passado para a função exec (). O valor de retorno é Nenhum.

Em todos os casos, se as partes opcionais forem omitidas, o código será executado no escopo atual. Se apenas globais for fornecido, deve ser um dicionário (e não uma subclasse de dicionário), que será usado para as variáveis ​​globais e locais. Se globais e habitantes locais são fornecidos, eles são usados ​​para as variáveis ​​globais e locais, respectivamente. Se fornecido, habitantes locais pode ser qualquer objeto de mapeamento. Lembre-se de que, no nível do módulo, globais e locais são o mesmo dicionário. Se exec obtém dois objetos separados como globais e habitantes locais, o código será executado como se estivesse embutido em uma definição de classe.

Se o globais dicionário não contém um valor para a chave __builtins__, uma referência ao dicionário dos módulos embutidos embutidos é inserida nessa chave. Dessa forma, você pode controlar quais builtins estão disponíveis para o código executado, inserindo seu próprio dicionário __builtins__ em globais antes de passá-lo para exec ().

Gera um evento de auditoria exec com o objeto de código como argumento. Eventos de compilação de código também podem ser gerados.

As funções integradas globals () e locals () retornam os dicionários global e local atuais, respectivamente, que podem ser úteis para serem usados ​​como o segundo e o terceiro argumento para exec ().

O padrão habitantes locais agir conforme descrito para a função locals () abaixo: modificações no padrão habitantes locais dicionário não deve ser tentado. Passe um explícito habitantes locais dicionário se você precisar ver os efeitos do código em habitantes locais após o retorno da função exec ().

Construa um iterador a partir desses elementos de iterável para qual função retorna verdadeiro. iterável pode ser uma sequência, um contêiner que suporta iteração ou um iterador. Se função é Nenhum, a função de identidade é assumida, ou seja, todos os elementos de iterável que são falsas são removidas.

Observe que filtro (função, iterável) é equivalente à expressão do gerador (item para item em iterável se função (item)) se função não for Nenhum e (item para item em iterável se item) se função for Nenhum.

Veja itertools.filterfalse () para a função complementar que retorna elementos de iterável para qual função retorna falso.

Retorna um número de ponto flutuante construído a partir de um número ou string x.

Se o argumento for uma string, ele deve conter um número decimal, opcionalmente precedido por um sinal e opcionalmente incorporado em um espaço em branco. O sinal opcional pode ser '+' ou '-' um sinal '+' não tem efeito sobre o valor produzido. O argumento também pode ser uma string representando um NaN (não um número) ou um infinito positivo ou negativo. Mais precisamente, a entrada deve estar de acordo com a seguinte gramática depois que os caracteres de espaço em branco à esquerda e à direita forem removidos:

Aqui floatnumber é a forma de um literal de ponto flutuante Python, descrito em Literais de ponto flutuante. As maiúsculas e minúsculas não são significativas, então, por exemplo, “inf”, “Inf”, “INFINITY” e “iNfINity” são todas grafias aceitáveis ​​para infinito positivo.

Caso contrário, se o argumento for um número inteiro ou de ponto flutuante, um número de ponto flutuante com o mesmo valor (dentro da precisão de ponto flutuante do Python) será retornado. Se o argumento estiver fora do intervalo de um float Python, um OverflowError será gerado.

Para um objeto Python geral x, float (x) delega para x .__ float __ (). Se __float __ () não for definido, ele retorna para __index __ ().

Se nenhum argumento for fornecido, 0.0 é retornado.

Alterado na versão 3.6: Agrupar dígitos com sublinhados como em literais de código é permitido.

Alterado na versão 3.7: x agora é um parâmetro apenas posicional.

Alterado na versão 3.8: Volta para __index __ () se __float __ () não está definido.

Converter um valor a uma representação "formatada", controlada por format_spec. A interpretação de format_spec vai depender do tipo de valor , no entanto, há uma sintaxe de formatação padrão que é usada pela maioria dos tipos integrados: Minilinguagem de especificação de formato.

O padrão format_spec é uma string vazia que geralmente dá o mesmo efeito que chamar str (valor).

Uma chamada para format (value, format_spec) é traduzida para type (value) .__ format __ (value, format_spec) que ignora o dicionário da instância ao pesquisar o método __format __ () do valor. Uma exceção TypeError é levantada se a pesquisa do método atinge o objeto e o format_spec não está vazio, ou se o format_spec ou o valor de retorno não são strings.

Alterado na versão 3.4: object () .__ format __ (format_spec) levanta TypeError se format_spec não é uma string vazia.

Retorne um novo objeto frozenset, opcionalmente com elementos retirados de iterável. frozenset é uma classe embutida. Consulte frozenset e Set Types - set, frozenset para obter a documentação sobre esta classe.

Para outros contêineres, consulte as classes integradas set, list, tuple e dict, bem como o módulo de coleções.

Retorna o valor do atributo nomeado de objeto. nome deve ser uma string. Se a string é o nome de um dos atributos do objeto, o resultado é o valor desse atributo. Por exemplo, getattr (x, 'foobar') é equivalente a x.foobar. Se o atributo nomeado não existir, padrão é retornado se fornecido, caso contrário, AttributeError é gerado.

Uma vez que a mutilação de nomes privados ocorre em tempo de compilação, deve-se mutilar manualmente o nome de um atributo privado (atributos com dois sublinhados à esquerda) para recuperá-lo com getattr ().

Retorne um dicionário que representa a tabela de símbolos global atual. Este é sempre o dicionário do módulo atual (dentro de uma função ou método, este é o módulo onde ele é definido, não o módulo a partir do qual é chamado).

Os argumentos são um objeto e uma string. O resultado é True se a string for o nome de um dos atributos do objeto, False se não for. (Isso é implementado chamando getattr (objeto, nome) e ver se ele gera um AttributeError ou não.)

Retorna o valor hash do objeto (se houver). Os valores de hash são inteiros. Eles são usados ​​para comparar rapidamente as chaves do dicionário durante uma pesquisa no dicionário. Os valores numéricos que se comparam iguais têm o mesmo valor de hash (mesmo se forem de tipos diferentes, como é o caso de 1 e 1.0).

Para objetos com métodos personalizados __hash __ (), observe que hash () trunca o valor de retorno com base na largura de bits da máquina host. Veja __hash __ () para detalhes.

Chame o sistema de ajuda integrado. (Esta função é destinada ao uso interativo.) Se nenhum argumento for fornecido, o sistema de ajuda interativo será iniciado no console do intérprete. Se o argumento for uma string, então a string é procurada como o nome de um módulo, função, classe, método, palavra-chave ou tópico de documentação e uma página de ajuda é impressa no console. Se o argumento for qualquer outro tipo de objeto, uma página de ajuda no objeto é gerada.

Observe que se uma barra (/) aparecer na lista de parâmetros de uma função, ao chamar help (), isso significa que os parâmetros anteriores à barra são apenas posicionais. Para obter mais informações, consulte a entrada do FAQ sobre parâmetros apenas posicionais.

Esta função é adicionada ao namespace interno pelo módulo do site.

Alterado na versão 3.4: Alterações em pydoc e inspect significam que as assinaturas relatadas para chamáveis ​​agora são mais abrangentes e consistentes.

Converta um número inteiro em uma string hexadecimal minúscula prefixada com “0x”. Se x não é um objeto Python int, ele tem que definir um método __index __ () que retorna um inteiro. Alguns exemplos:

Se você deseja converter um número inteiro em uma string hexadecimal maiúscula ou inferior com prefixo ou não, você pode usar uma das seguintes maneiras:

Consulte também format () para obter mais informações.

Veja também int () para converter uma string hexadecimal em um inteiro usando uma base de 16.

Para obter uma representação de string hexadecimal para um float, use o método float.hex ().

Retorna a “identidade” de um objeto. Este é um número inteiro garantido como único e constante para este objeto durante sua vida útil. Dois objetos com tempos de vida não sobrepostos podem ter o mesmo valor id ().

Detalhe de implementação de CPython: Este é o endereço do objeto na memória.

Gera um evento de auditoria builtins.id com o id do argumento.

Se o incitar argumento está presente, ele é escrito na saída padrão sem uma nova linha à direita. A função então lê uma linha da entrada, converte-a em uma string (removendo uma nova linha final) e a retorna. Quando EOF é lido, EOFError é gerado. Exemplo:

Se o módulo readline foi carregado, input () o usará para fornecer edição de linha elaborada e recursos de histórico.

Gera um evento de auditoria builtins.input com prompt de argumento antes de ler a entrada

Gera um evento de auditoria builtins.input / result com o resultado após a leitura bem-sucedida da entrada.

Retorna um objeto inteiro construído a partir de um número ou string xou retorne 0 se nenhum argumento for fornecido. Se x define __int __ (), int (x) retorna x .__ int __ (). Se x define __index __ (), retorna x .__ index __ (). Se x define __trunc __ (), retorna x .__ trunc __ (). Para números de ponto flutuante, isso trunca em direção a zero.

Se x não é um número ou se base é dado, então x deve ser uma instância de string, bytes ou bytearray que representa um literal inteiro na raiz base. Opcionalmente, o literal pode ser precedido por + ou - (sem espaço entre eles) e cercado por um espaço em branco. Um literal de base n consiste nos dígitos de 0 a n-1, com a a z (ou A a Z) tendo valores de 10 a 35. O padrão base é 10. Os valores permitidos são 0 e 2–36. Literais de base-2, -8 e -16 podem ser prefixados opcionalmente com 0b / 0B, 0o / 0O ou 0x / 0X, como acontece com literais inteiros no código. Base 0 significa interpretar exatamente como um literal de código, de modo que a base real seja 2, 8, 10 ou 16 e que int ('010', 0) não seja válido, enquanto int ('010') é, bem como int ('010', 8).

Alterado na versão 3.4: If base não é uma instância de int e o base objeto tem um método base .__ index__, esse método é chamado para obter um inteiro para a base. As versões anteriores usavam base .__ int__ em vez de base .__ index__.

Alterado na versão 3.6: Agrupar dígitos com sublinhados como em literais de código é permitido.

Alterado na versão 3.7: x agora é um parâmetro apenas posicional.

Alterado na versão 3.8: Volta para __index __ () se __int __ () não está definido.

Retorne True se o objeto argumento é uma instância do informação de classe argumento, ou de uma subclasse (direta, indireta ou virtual) do mesmo. Se objeto não é um objeto do tipo fornecido, a função sempre retorna False. Se informação de classe é uma tupla de objetos do tipo (ou recursivamente, outras tuplas), retorna True se objeto é uma instância de qualquer um dos tipos. Se informação de classe não é um tipo ou tupla de tipos e tais tuplas, uma exceção TypeError é levantada.

issubclass ( aula, informação de classe ) ¶

Retorna verdadeiro se aula é uma subclasse (direta, indireta ou virtual) de informação de classe. Uma classe é considerada uma subclasse de si mesma. informação de classe pode ser uma tupla de objetos de classe, caso em que cada entrada em informação de classe será verificado. Em qualquer outro caso, uma exceção TypeError é gerada.

Retorne um objeto iterador. O primeiro argumento é interpretado de maneira muito diferente, dependendo da presença do segundo argumento. Sem um segundo argumento, objeto deve ser um objeto de coleção que suporta o protocolo de iteração (o método __iter __ ()), ou deve suportar o protocolo de seqüência (o método __getitem __ () com argumentos inteiros começando em 0). Se ele não oferecer suporte a nenhum desses protocolos, TypeError será gerado. Se o segundo argumento, sentinela, é dado, então objeto deve ser um objeto chamável. O iterador criado neste caso chamará objeto sem argumentos para cada chamada ao método __next __ () se o valor retornado for igual a sentinela, StopIteration será gerado, caso contrário, o valor será retornado.

Uma aplicação útil da segunda forma de iter () é construir um leitor de blocos. Por exemplo, lendo blocos de largura fixa de um arquivo de banco de dados binário até que o final do arquivo seja alcançado:

Retorna o comprimento (o número de itens) de um objeto. O argumento pode ser uma sequência (como uma string, bytes, tupla, lista ou intervalo) ou uma coleção (como um dicionário, conjunto ou conjunto congelado).

Detalhe de implementação de CPython: len aumenta OverflowError em comprimentos maiores que sys.maxsize, como range (2 ** 100).

Em vez de ser uma função, a lista é na verdade um tipo de sequência mutável, conforme documentado em Listas e Tipos de Sequência - lista, tupla, intervalo.

Atualize e retorne um dicionário que representa a tabela de símbolos local atual. Variáveis ​​livres são retornadas por locals () quando são chamadas em blocos de função, mas não em blocos de classe. Observe que, no nível do módulo, locals () e globals () são o mesmo dicionário.

O conteúdo deste dicionário não deve ser modificado; as alterações podem não afetar os valores das variáveis ​​locais e livres usadas pelo interpretador.

Retorne um iterador que se aplique função para cada item de iterável, produzindo os resultados. Se adicional iterável argumentos são passados, função deve receber tantos argumentos e é aplicado aos itens de todos os iteráveis ​​em paralelo. Com vários iteráveis, o iterador para quando o iterável mais curto se esgota. Para casos em que as entradas de função já estão organizadas em tuplas de argumento, consulte itertools.starmap ().

Retorne o maior item em um iterável ou o maior de dois ou mais argumentos.

Se um argumento posicional for fornecido, ele deve ser iterável. O maior item no iterável é retornado. Se dois ou mais argumentos posicionais forem fornecidos, o maior dos argumentos posicionais será retornado.

Existem dois argumentos opcionais apenas por palavra-chave. O chave argumento especifica uma função de ordenação de um argumento como a usada para list.sort (). O padrão argumento especifica um objeto a ser retornado se o iterável fornecido estiver vazio. Se o iterável estiver vazio e padrão não for fornecido, um ValueError será gerado.

Se vários itens forem máximos, a função retornará o primeiro encontrado. Isso é consistente com outras ferramentas de preservação de estabilidade de classificação, como classificado (iterável, key = keyfunc, reverse = True) [0] e heapq.nlargest (1, iterável, key = keyfunc).

Novo na versão 3.4: o padrão argumento apenas de palavra-chave.

Alterado na versão 3.8: O chave pode ser Nenhum.

Retorna um objeto de “visualização da memória” criado a partir do argumento fornecido. Veja Memory Views para mais informações.

Retorna o menor item em um iterável ou o menor de dois ou mais argumentos.

Se um argumento posicional for fornecido, ele deve ser iterável. O menor item do iterável é retornado. Se dois ou mais argumentos posicionais forem fornecidos, o menor dos argumentos posicionais será retornado.

Existem dois argumentos opcionais apenas por palavra-chave. O chave argumento especifica uma função de ordenação de um argumento como a usada para list.sort (). O padrão argumento especifica um objeto a ser retornado se o iterável fornecido estiver vazio. Se o iterável estiver vazio e padrão não for fornecido, um ValueError será gerado.

Se vários itens forem mínimos, a função retornará o primeiro encontrado. Isso é consistente com outras ferramentas de preservação de estabilidade de classificação, como classificado (iterável, key = keyfunc) [0] e heapq.nsmallest (1, iterável, key = keyfunc).

Novo na versão 3.4: o padrão argumento apenas de palavra-chave.

Alterado na versão 3.8: O chave pode ser nenhum.

Recupere o próximo item do iterador chamando seu método __next __ (). Se padrão for fornecido, ele será retornado se o iterador estiver esgotado, caso contrário, StopIteration é gerado.

Retorne um novo objeto sem características. objeto é uma base para todas as classes. Ele contém os métodos que são comuns a todas as instâncias das classes Python. Esta função não aceita nenhum argumento.

objeto faz não tem um __dict__, então você não pode atribuir atributos arbitrários a uma instância da classe de objeto.

Converta um número inteiro em uma string octal com o prefixo “0o”. O resultado é uma expressão Python válida. Se x não é um objeto Python int, ele tem que definir um método __index __ () que retorna um inteiro. Por exemplo:

Se você deseja converter um número inteiro em uma string octal com o prefixo “0o” ou não, você pode usar uma das seguintes maneiras.

Consulte também format () para obter mais informações.

Aberto Arquivo e retornar um objeto de arquivo correspondente. Se o arquivo não puder ser aberto, um OSError é gerado. Consulte Lendo e gravando arquivos para obter mais exemplos de como usar esta função.

Arquivo é um objeto semelhante a um caminho que fornece o nome do caminho (absoluto ou relativo ao diretório de trabalho atual) do arquivo a ser aberto ou um descritor de arquivo inteiro do arquivo a ser empacotado. (Se um descritor de arquivo é fornecido, ele é fechado quando o objeto de E / S retornado é fechado, a menos que closefd está definido como False.)


Calculadora de arredondamento de figuras significativas (Sig Fig)

Esta Calculadora de arredondamento de números significativos arredonda um determinado número para a quantidade de dígitos significativos que você especificar.

This rounding number which you specify cannot be a negative number and it must be greater than 0. A number with 0 significant digits would be 0. So the number to round to must be a positive. Also, the rounding number specified must be a number that is either equal to or less than the amount of significant digits present in the number. If a number only has 2 significant digits in it and you specify that you want it rounded to 5, for example, this is an impossibility. If a number only has 2 significant digits, the maximum significant digits it can be rounded to is 2 significant digits. A rounding number greater than 2 would make the end result falsely more accurate than it is, which would be a false representation. So this calculator only allows a rounding number equal to or less than the amount of significant digits in the number, or else it will throw an error, warning you of this.

Significant figures, or digits, are the values in a number that can be counted on to be accurate. Significant digits in a number are those values which can be known with certainty or a high degree of confidence, while insignificant digits are those which we do not trust as very accurate.

Significant digits are used extensively during measurements. Different measurement tools can record measurements of differing accuracy. Some measurement tools can record much more in detail than other measuring tools. For example, if we have a ruler that only measures centimeters, we can measure to one-hundredth of a meter. If we now change the ruler and get one which measures millimeters, we can measure to one-thousandth of a meter. Thus, we can have an extra significant digit, because the ruler is more detailed and allows for more accuracy of measurement.

It is important to be honest when making a measurement, so that the resulant value does not appear to be more accurate than the equipment used to make the measurement allows. And how we make the recorded value honest is by controlling the number of digits, or significant figures, used to report the measurement. The recorded value cannot have more significant digits than the measuring tool allows. This is why using the proper amount of significant digits is so important.

To use this calculator, a user simply enters in a number into the first text box and then the number of significant digits s/he would like to round that number to in the second text box, and clicks the 'Calculate' button. The resultant value will be the number entered rounded to the number of significant digits desired.

Being that electronics, like any other science, deals with measurements, knowing how to round to a given number of significant figures may be important. Depending on the measuring tool in use determines how accurate it can measure. Using the proper number of significant figures may be extremely important.

What is 12300 roundeed to 2 significant digits?

The original number has 3 significant digits. Rounding it to 2 significant digits makes it 12000.

What is 15875 rounded to 4 significant digits?

The original number has 5 signifiant digits. Rounding it to 4 significant digits makes it 15880.

What is 0.000375 rounded to 2 significant digts?

The original number has 3 significant digits. Rounding it to 2 significant digits m akes it 0.00038.


Rounding GPA from 3.676 to a 3.7?

Yeah, just include the appropriate scale. So if your gpa is "3.68 / 4.00", adjust it to "3.7 / 4.0". I've done this from X.65 --> X.7.

Regarding appropriate scale, wouldn't it also be correct to use "3.68/4"?

I like to keep it consistent so yeah that's technically fine but I would do "3.68 / 4.00"

I rounded my 3.5 to a 4/4 and landed my internship

  • Learn more
  • | Suggested Resource

300+ video lessons across 6 modeling courses taught by elite practitioners at the top investment banks and private equity funds -- Excel Modeling -- Financial Statement Modeling -- M&A Modeling -- LBO Modeling -- DCF and Valuation Modeling -- ALL INCLUDED + 2 Huge Bonuses.

wow, what an unbelievable story!
(emphasis on "unbelievable")

there's no background check?

Oh, you sweet summer child

I wouldn't. Round to 2 decimal places, a 3.676 is not even that close to a 3.7

If any company actually asks for your transcripts, you're going to look really bad.

EDIT: For all the MS you guys are throwing at me, doing what OP asked is literally a conduct violation at my university. They specifically forbid students from rounding to one decimal place unless it's mathematically accurate to two decimal places.

Dude you are so wrong. 3.676 -> 3.7 is totally fine. Only thing is I'll automatically assume the applicant has a 3.65.

Judging by the MS, that seems to be the case. Meh, I still think it's a sketch thing to do, but if we're being honest here if I saw someone list a GPA at 3.7/4.0, I'd think 3.65 too. So I see your point (though I still don't know if I would do it personally).

just do it man. no one will give a shit


Rounding Decimals To The Nearest Whole Number Rules:

When you are trying to round to the nearest whole number, you need to make sure that you keep some rules in your mind. After all, you will need to apply them to ensure that you round your decimals in the right way.

Rule: To round a decimal to the nearest whole number, you need to analyze the digit at the first decimal place i.e., tenths place.

And here, you may have two different situations:

Situation A) If the tenths place value is 5 or greater than 5, then the digit at the ones place increases by 1 and the digits at the tenths place and thereafter becomes 0.

Let’s say that you have the number 9.63 that you want to round to the nearest whole number. As we just mentioned, you will need to look at the digit at the tenths place. In this case, you have the number 6. Since 6 is greater than 5, then you will need to round the number up to the nearest whole number 10.

This time you have the number 78.537 that you want to round to the nearest whole number. As we just mentioned, you will need to look at the digit at the tenths place. In this case, you have the number 5. Since 5 is equal to 5, then you will need to round the number up to the nearest whole number 79.

Situation B) If the tenths place value is less than 5, then the digit at the ones place remains the same but the digits at the tenths place and thereafter becomes 0.

Let’s say that you have the number 7.21 that you want to round to the nearest whole number. As we just mentioned, you will need to look at the digit at the tenths place. In this case, you have the number 2. Since 2 is less than 5, then you will need to round the number down to the nearest whole number 7.

This time you have the number 13.48 that you want to round to the nearest whole number. As we just mentioned, you will need to look at the digit at the tenths place. In this case, you have the number 4. Since 4 is less than 5, then you will need to round the number down to the nearest whole number 13.


Nearest hundredth is the second digit after the decimal point.

How to Calculate Rounding to the Nearest 100 th ?

If the digit after hundredth is greater than or equal to 5, add 1 to hundredth. Else remove the digit. Exemplo

124.586
The third digit of right of decimal point is 6
The second digit after decimal point is 8 which is greater than 5
So add 1 to 8
Result = 124.59

Rounding to Nearest Hundredth Examples

NúmeroRounded to Nearest Hundredth
11
1.0061.01
1.0121.01
1.0181.02
1.0241.02
1.031.03
1.0361.04
1.0421.04
1.0481.05
1.0541.05
1.061.06
1.0661.07
1.0721.07
1.0781.08
1.0841.08
1.091.09
1.0961.1
1.1021.1
1.1081.11
1.1141.11
1.121.12
1.1261.13
1.1321.13
1.1381.14
1.1441.14
1.151.15
1.1561.16
1.1621.16
1.1681.17
1.1741.17
1.181.18
1.1861.19
1.1921.19
1.1981.2
1.2041.2
1.211.21
1.2161.22
1.2221.22
1.2281.23
1.2341.23
1.241.24
1.2461.25
1.2521.25
1.2581.26
1.2641.26
1.271.27
1.2761.28
1.2821.28
1.2881.29
1.2941.29
1.31.3
1.3061.31
1.3121.31
1.3181.32
1.3241.32
1.331.33
1.3361.34
1.3421.34
1.3481.35
1.3541.35
1.361.36
1.3661.37
1.3721.37
1.3781.38
1.3841.38
1.391.39
1.3961.4
1.4021.4
1.4081.41
1.4141.41
1.421.42
1.4261.43
1.4321.43
1.4381.44
1.4441.44
1.451.45
1.4561.46
1.4621.46
1.4681.47
1.4741.47
1.481.48
1.4861.49
1.4921.49
1.4981.5
1.5041.5
1.511.51
1.5161.52
1.5221.52
1.5281.53
1.5341.53
1.541.54
1.5461.55
1.5521.55
1.5581.56
1.5641.56
1.571.57
1.5761.58
1.5821.58
1.5881.59
1.5941.59
1.61.6
1.6061.61
1.6121.61
1.6181.62
1.6241.62
1.631.63
1.6361.64
1.6421.64
1.6481.65
1.6541.65
1.661.66
1.6661.67
1.6721.67
1.6781.68
1.6841.68
1.691.69
1.6961.7
1.7021.7
1.7081.71
1.7141.71
1.721.72
1.7261.73
1.7321.73
1.7381.74
1.7441.74
1.751.75
1.7561.76
1.7621.76
1.7681.77
1.7741.77
1.781.78
1.7861.79
1.7921.79
1.7981.8
1.8041.8
1.811.81
1.8161.82
1.8221.82
1.8281.83
1.8341.83
1.841.84
1.8461.85
1.8521.85
1.8581.86
1.8641.86
1.871.87
1.8761.88
1.8821.88
1.8881.89
1.8941.89
1.91.9
1.9061.91
1.9121.91
1.9181.92
1.9241.92
1.931.93
1.9361.94
1.9421.94
1.9481.95
1.9541.95
1.961.96
1.9661.97
1.9721.97
1.9781.98
1.9841.98
1.991.99
1.9962
NúmeroRounded to Nearest Hundredth
1010
10.01210.01
10.02410.02
10.03610.04
10.04810.05
10.0610.06
10.07210.07
10.08410.08
10.09610.1
10.10810.11
10.1210.12
10.13210.13
10.14410.14
10.15610.16
10.16810.17
10.1810.18
10.19210.19
10.20410.2
10.21610.22
10.22810.23
10.2410.24
10.25210.25
10.26410.26
10.27610.28
10.28810.29
10.310.3
10.31210.31
10.32410.32
10.33610.34
10.34810.35
10.3610.36
10.37210.37
10.38410.38
10.39610.4
10.40810.41
10.4210.42
10.43210.43
10.44410.44
10.45610.46
10.46810.47
10.4810.48
10.49210.49
10.50410.5
10.51610.52
10.52810.53
10.5410.54
10.55210.55
10.56410.56
10.57610.58
10.58810.59
10.610.6
10.61210.61
10.62410.62
10.63610.64
10.64810.65
10.6610.66
10.67210.67
10.68410.68
10.69610.7
10.70810.71
10.7210.72
10.73210.73
10.74410.74
10.75610.76
10.76810.77
10.7810.78
10.79210.79
10.80410.8
10.81610.82
10.82810.83
10.8410.84
10.85210.85
10.86410.86
10.87610.88
10.88810.89
10.910.9
10.91210.91
10.92410.92
10.93610.94
10.94810.95
10.9610.96
10.97210.97
10.98410.98
10.99611
11.00811.01
11.0211.02
11.03211.03
11.04411.04
11.05611.06
11.06811.07
11.0811.08
11.09211.09
11.10411.1
11.11611.12
11.12811.13
11.1411.14
11.15211.15
11.16411.16
11.17611.18
11.18811.19
11.211.2
11.21211.21
11.22411.22
11.23611.24
11.24811.25
11.2611.26
11.27211.27
11.28411.28
11.29611.3
11.30811.31
11.3211.32
11.33211.33
11.34411.34
11.35611.36
11.36811.37
11.3811.38
11.39211.39
11.40411.4
11.41611.42
11.42811.43
11.4411.44
11.45211.45
11.46411.46
11.47611.48
11.48811.49
11.511.5
11.51211.51
11.52411.52
11.53611.54
11.54811.55
11.5611.56
11.57211.57
11.58411.58
11.59611.6
11.60811.61
11.6211.62
11.63211.63
11.64411.64
11.65611.66
11.66811.67
11.6811.68
11.69211.69
11.70411.7
11.71611.72
11.72811.73
11.7411.74
11.75211.75
11.76411.76
11.77611.78
11.78811.79
11.811.8
11.81211.81
11.82411.82
11.83611.84
11.84811.85
11.8611.86
11.87211.87
11.88411.88
11.89611.9
11.90811.91
11.9211.92
11.93211.93
11.94411.94
11.95611.96
11.96811.97
11.9811.98
11.99211.99

THIS APP WORKS!! It's CORONAVIRUS season so that means homeschool! It makes my math warm ups easier! I don't have to take the time to do all the work!

This website is so good!
It never glitches and always works. It helps me whenever I'm struggling, which is perfect, because math is not my strongest subject

This helped so much! I was out the day we went back over this so I had totally forgotten how to do it but then i found this and now i remember. Now i know where to go if i ever need help with something like that :)

This app helps me round while using the formulas for the volumes of cones, spheres, and cylinders. Thanks for making this app, its pretty POG.

it helps me find out thing in my geomtry class

517.8 is what percent of 384? Round to the nearest hundredth.

AMAZING !!GREAT!! Thank you for helping me learn how to round Decimals! :)

i love this site and i use it for my homework it is so helpful and just makes my life much easier

this website is soo great it helps me with my work and it is really easy to use

How do you round 356.452 to the nearest hundredth?

Please how can you round this number 578365 & 6294555 to the nearest ten hundred and thousand

I LOVE THIS SITE. it makes my math homework SOOOOOOOOOO much easier. ∩﹏∩

This website has been helpful beyond belief, I'm doing a lot better in math than I was before. All I would add is hundred thousandths and ten thousandths.

It helps me a lot since im in 8th grade

this works so great it helps me a lot on school it so amazing and I got a 100 on my work thank you. :)

The teacher let us use this website for classwork it was so easy to round to the nearest hundredth


Conteúdo

The original 37 mm gun was developed by Rheinmetall in 1935 as the 3.7 cm Flak 18. The cannon had an overall length of 89 calibers (hence the additional designation L/89), which allowed 4,800 m (15,700 ft) maximum ceiling. [1] The armour penetration was considerable when using dedicated [5] ammunition, at 100 m distance it could penetrate 36 mm of a 60°-sloped armour, and at 800 m distance correspondingly 24 mm. [1] It used a mechanical bolt for automatic fire, featuring a practical rate of fire of about 80 rounds per minute (rpm). The gun, when emplaced for combat, weighed 1,750 kg (3,860 lb), and complete for transport, including the wheeled mount, 3,560 kg (7,850 lb).

The Flak 18 was only produced in small numbers, and production had already ended in 1936. Development continued, focusing on replacement of the existing cumbersome dual-axle mount with a lighter single-axle one, resulting in a 3.7 cm Flak 36 that cut the complete weight to 1,550 kg (3,420 lb) in combat and 2,400 kg (5,300 lb) in transport. [1] The gun's ballistic characteristics were not changed, although the practical rate of fire was raised to 120 rpm (250 rpm theoretical). [1] A new, simplified sighting system introduced the next year produced the otherwise-identical 3.7 cm Flak 37. [1] The Flak 37 was known as 37 ITK 37 in Finland.

The Flak 36/37 were the most-produced variants of the weapon.

In 1938, the Kingdom of Romania acquired the license to locally produce 360 guns, officially known as "Tun antiaerian Rheinmetall calibru 37 mm model 1939" ("37 mm Rheinmetall anti-aircraft cannon model 1939") at the Astra Works in Brașov. By May 1941, 102 guns had been delivered. [2] The production rate was of 6 pieces per month as of October 1942. [6]

O mais cedo Flak 18 version of the 37mm autoloading gun was adapted for aviation use as the BK 3,7, the lightest-calibre model of the Bordkanone series of heavy caliber cannon used in Luftwaffe aircraft during the war. The BK 3,7 was usually employed for strike against ground targets, or for bomber destroyer duties. Mounted within self-contained gun pods or in conformal gondola-style flat-surface mounted gunpod housings, the BK 3,7 saw use on the Ju 87G panzerknacker ("tank-cracker") version of the Stuka dive bomber as flown with considerable success by Hans-Ulrich Rudel, the Ju 88P-2 and P-3 subtypes, and the Hs 129 B-2/R3 twin-engined strike aircraft.

The closest Allied counterpart to the 3.7 cm Flak series was the 40 mm Bofors L/60, which was designated the "4 cm Flak 28" in German service. The Bofors fired a larger shell of 900 g (32 oz), as opposed to around 650 g (23 oz), at a slightly higher muzzle velocity of around 880 m/s (2,900 ft/s) as opposed to just under 800 m/s (2,600 ft/s). This gave the Bofors an effective ceiling of about 4,900 m (16,100 ft) compared to 4,200 m (13,800 ft) for the Flak series. [7] Firing rates for the earlier models were similar, although the Flak 43's improved rates beat the Bofors. The most notable difference is the size and weight of the two weapons the Bofors weighed just under 2,000 kg (4,400 lb) and required a two-axle trailer, while the earlier Flak models weighed 1,550 kg (3,420 lb) on a single-axle mount, and the Flak 43 reduced this even further to 1,250 kg (2,760 lb).

The 37 mm automatic air defense gun M1939 (61-K) was the closest Soviet counterpart, firing a shell very similar to the Flak from a gun of generally similar weight and size. The 37, however, had a much lower cyclic rate, averaging around 80 rpm (that was in fact the practical firing rate, the cyclic rate was 160-170 rpm). The US's 37 mm Gun M1 was similar to the Flak as well, but was considered inferior to the Bofors and saw relatively limited use. The Japanese had nothing similar, their largest AA autocannon being the Type 96 25 mm AT/AA Gun. The Italian counterpart was the Breda Cannone-Mitragliera da 37/54.


Error and Exceptions
TypeError : This error is raised in the case when there is anything other than numbers in the parameters.

Practical Applications:
One of the common uses of rounding of functions is Handling the mismatch between fractions and decimal.
One use of rounding numbers is to shorten all the three’s to the right of the decimal point in converting 1/3 to decimal. Most of the time, you will use the rounded numbers 0.33 or 0.333 when you need to work with 1/3 in decimal. In fact, you usually work with just two or three digits to the right of the decimal point when there is no exact equivalent to the fraction in decimal. How would you show 1/6 in decimal? Remember to round up!


Vision X 9891729 3.7" Round Optimus Series Halo LED Lamp Kit

Vision X has added a new member to their Optimus family with the release of the new Optimus Halo LED Series. They are available in both 3.7" Round and 3.0" Square housings and feature the same specifications as the original Optimus Series, however they have a bright LED Halo around the outer edge of the reflectors. The Halo LED is powered from a separate wire than the main LED, meaning the Halo can be wired to be used as daytime running lights, additional indicator lights, parking lights and more.

  • Powerful Single-Source 10-Watt LED Produces 1,052 Lumens each.
  • 15° Beam Pattern For Optimal Distance & Spread Balance
  • Shine 883 Feet Of Usable Light With IRIS Reflectors
  • Powerful LED Halo Ring For Daytime Running Light
  • High-Grade Trunnion Bracket
Level 2 Intermediate


Assista o vídeo: Arredondamento (Outubro 2021).